SE CUIDE: CÂNCER DE PELE

O câncer de pele é o tipo de câncer mais frequente.O principal fator que causa o câncer de pele é a exposição aos raios ultravioletas do sol. Há também outros fatores de risco importantes como hereditariedade, químico (arsênico), radiação ionizante, lesões crônicas,síndromes genéticas e imunossupressão (redução da atividade ou eficiência do sistema imunológico).

Qualquer indivíduo pode ter câncer de pele, principalmente as pessoas de pele, olhos e cabelos claros, que sempre se queimam e nunca se bronzeiam. Indivíduos ruivos e com “sardas”, pessoas que se expõem ao sol por muito tempo ou aqueles que possuam história familiar de câncer de pele também estão no grupo de risco. É raro em crianças e negros, exceto naqueles com doenças cutâneas prévias.

Os tipos mais comuns são: carcinoma basocelular (mais comum em pessoas caucasianas e que representam 70% dos casos), carcinoma espinocelular (25% dos casos) e o melanoma (4% dos casos).

O melanoma é o tipo de câncer mais grave devido à alta possibilidade de metástase. Ele se origina em células chamadas de melanócitos. Os melanócitos são responsáveis pela produção de melanina (substância que determina a cor da pele).

As principais formas de se prevenir o câncer de pele são:

• Evitar exposição direta ao sol das 10h às 16h.

• Usar filtro solar com fator de proteção igual ou superior ao 15, reaplicando a cada 2 horas, após entrar na água ou transpirar. Nos lábios, recomenda-se também a utilização de filtro solar específico para esta região do corpo.

• Usar óculos de sol escuros para proteger olhos e pálpebras.

• Não é recomendado o uso do bronzeamento artificial.

Na maioria dos casos o tratamento é cirúrgico. Há também outras formas de tratamento como a crioterapia, terapia fotodinâmica, radioterapia e uso de medicamentos tópicos. A escolha da melhor forma de tratamento vai depender do tipo de câncer, da sua localização e do seu tamanho.

Se diagnosticado precocemente e não houver metástases é possível curá-lo.

Como reconhecer os sinais precoces do câncer de pele?

• Um crescimento na pele de aparência elevada e brilhante, translúcida, avermelhada, castanha, rósea ou multicolorida.

• Uma “pinta” preta ou acastanhada que muda sua cor, textura, torna-se irregular nas suas bordas e cresce de tamanho.

• Uma “mancha” ou ferida que continua a crescer apresentando coceira, crostas, erosões ou sangramento.

 

 

 

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *