Posts

Você gosta de pintar seus cabelos? Então, vamos esclarecer os diferentes tipos de tintura!

 Elas podem ser divididas em PERMANENTES, SEMIPERMANENTES E TEMPORÁRIAS.

– PERMANENTES

São soluções alcalinas à base de amônia, que dependem de uma reação de oxidação para conseguir o efeito final esperado. É composta por 2 partes: a tintura e um agente oxidante (peróxido de hidrogênio). Devem ser misturados imediatamente antes da aplicação. Esses componentes são partículas pequenas e penetram através da cutícula até o córtex, onde ocorre a oxidação do precursor da tintura, formando moléculas coloridas grandes dentro da haste do cabelo. Por serem moléculas grandes, elas não conseguem sair através da cutícula, dando a nova cor à haste do fio! São essas tinturas indicadas para tingir os cabelos brancos e grisalhos, pois o pigmento é permanente, não saindo com as lavagens.

– SEMIPERMANENTES

São os tonalizantes. São moléculas pré-formadas que, quando aplicadas nos cabelos tingem os fios. Dura, aproximadamente, 12 lavagens. São usadas para escurecer e nunca clarear os cabelos. São corantes de baixo peso molecular, porém sem oxidação. São aplicados nos cabelos úmidos com agregado de tensoativos, e penetram na porção externa dos cabelos. São livres de amônia.

– TEMPORÁRIAS

São pigmentos tão grandes que se difundem sobre a haste do fio, e atuam no exterior do cabelo, sem penetrá-lo. São geralmente removidos durante a primeira lavagem. Um exemplo,é a Henna. Esse tipo de tintura tem como vantagem a pouca capacidade alergênica, fácil aplicação e não agredir os cabelos. No entanto, suas cores são limitadas.

Leia mais