FITOFOTODERMATOSE

É uma dermatose que ocorre por uma combinação de contato com planta fotossensibilizante e exposição ao sol. O exemplo típico são as queimaduras provocadas por limão.

Os agentes responsáveis contêm furocumarinas (psoralênicos) que podem estar presentes em alimentos, perfumes, aromatizantes e cosméticos. As furocumarinas nos alimentos são encontradas nas frutas cítricas (limão, tangerina, lima), cenoura, figo, salsinha, arnica, hibisco, arruda e canela.
Observam-se lesões avermelhadas, frequentemente com formato linear em regiões de pele descobertas pelas roupas, podendo até ocorrer bolhas. Eles surgem entre 24 e 48 horas após o contato com a seiva da planta e a exposição solar. O tratamento é feito com o uso de medicamentos aplicados nas lesões. É importante hidratar a pele para ajudar na sua recuperação. Deve-se ter atenção extra para a proteção solar da pele nas áreas com lesões. A prevenção é fundamental. Deve-se evitar contato com as plantas e, se isso ocorrer, lavar bem a área com água corrente e sabão neutro. Também é essencial, evitar a exposição ao sol após o contato com as plantas, frutas ou produtos citados.

Larva Migrans

É uma infecção que surge em decorrência do contato direto da pele com areia na qual estejam presentes larvas de parasitas do gênero Ancylostoma. É comum em locais que foram previamente frequentados por cães e gatos, também infestados, porém no tubo digestivo, por vermes adultos, que liberam ovos que vêm a ser depositados na areia. Eles  penetram na pele e provocam lesão avermelhada semelhante à picada de insetos, vermelhas e com coceiras. Nos dias subsequentes, a larva faz trajetos sinuosos, pois não consegue alcançar as camadas mais profundas da pele. Há coceira associada. Essa doença, apesar de benigna, pode e deve ser prevenida, evitando-se o contato direto da pele com a areia encontrada em terrenos nos quais exista a possibilidade de terem sido frequentados por cães e gatos. O tratamento será determinado pelo seu dermatologista na consulta médica.

PITIRÍASE VERSICOLOR (“PANO BRANCO”)

É uma micose superficial da pele causada por fungos do gênero Malassezia, que são leveduras que habitam o folículo piloso sem causar doença. Quando existem condições favoráveis (calor e umidade) para o crescimento do fungo, ele consegue invadir a pele e causar as lesões características. Existem também fatores do hospedeiro que a favorecem: a desnutrição, a sudorese excessiva e o uso de anticoncepcionais, de corticoides e/ou de imunossupressores. Atinge todas as faixas etárias, sendo mais frequente em adolescentes e adultos jovens, pois estes têm maior atividade da glândula sebácea. Apresenta-se por manchas redondas ou ovais, recobertas por escamas finas, no tronco e braços. Estas manchas podem variar do branco indo até o vermelho e o castanho, por isto é chamada de versicolor. As lesões geralmente são assintomáticas e ocasionalmente a pessoa pode sentir coceira. O tratamento pode ser feito com medicações tópicas e/ou oral. Elas eliminam a descamação em poucos dias, porém devem ser mantidas por várias semanas, isso quando se opta pelo tratamento tópico. As alterações da pigmentação tendem a se resolver mais lentamente do que a descamação. Quando ficam manchas claras, mesmo após o tratamento, a exposição moderada ao sol será útil para acelerar a recuperação da cor natural da pele. A prevenção da pitiriase versicolor é feita por meio da utilização de roupas leves, arejadas e, preferencialmente, de tecidos não sintéticos. Sempre consulte o seu Dermatologista para o correto diagnóstico e tratamento!

LUZ INTENSA PULSADA         

É tecnologia que emite feixes de luzes policromáticas e não colimada (em várias direções). Isto é, são luzes diversas que emitem comprimentos de onda variados na pele, gerando calor local por meio desses disparos. No tecido que está sendo tratado existem componentes cromóforos (alvos), os quais convertem a energia luminosa que receberam do equipamento em calor, coagulando o tecido e ativando, também, reações químicas do organismo. Desse modo, lesiona-se somente o tecido-alvo. Este tratamento é capaz de promover efeitos benéficos como: rejuvenescimento da pele, por proporcionar aumento na espessura, estimular a produção e reorganizar uniformemente as fibras colágenas e elásticas (responsáveis pela firmeza e elasticidade da pele). Além disso, aumenta a atividade dos fibroblastos (células da derme responsáveis pela secreção das fibras de elastina e de colágeno). Ela também promove a redução de telangiectasias (microvasos), rubor e vermelhidão e o clareamento de manchas como sardas e melanoses solares. Também proporciona melhora da aparência de rugas finas, da textura e aspereza da pele, na redução do tamanho de poros e na secreção de sebo, na elasticidade, na redução da elastose e na diminuição de manchas.

Você sofre com Poros Abertos? Saiba mais sobre esta condição!

Os poros são pequenas aberturas na pele por onde saem os pelos e também a secreção das glândulas sudoríparas e sebáceas, produzem o suor e a oleosidade, respectivamente. E por que eles se dilatam??? Isto ocorre principalmente no verão onde há aumento da sudorese e em pessoas com a pele oleosa em que há uma produção aumentada de sebo. Dessa forma, o aumento do suor e da oleosidade proporcionará uma maior abertura desses orifícios da pele. Outra causa importante é o uso excessivo de maquiagem e a sua não remoção de forma satisfatória. Isto gera um acúmulo de impurezas, resíduos de maquiagem e células mortas que podem agravar o quadro. Para melhorar esta situação, deve-se fazer uma limpeza correta com sabonetes específicos para o seu tipo de pele, esfoliação semanal também pode ajudar (desde que seu Dermatologista recomende e prescreva o produto ideal) e retirar muito bem a maquiagem! No consultório, alguns tratamentos podem contribuir como peelings químicos, limpeza de pele e determinados tipos de lasers. Consulte sempre o seu Dermatologista para o correto diagnósticos e tratamento!

Microagulhamento – Saiba mais sobre este procedimento!

Dentre as novidades na Dermatologia Cosmiátrica, temos o MICROAGULHAMENTO, um procedimento estético indicado para rejuvenescimento, melhora do melasma, melhora da textura da pele, cicatrizes de acne, estrias e alopecia. Além de auxiliar na deposição de substâncias nas camadas mais profundas da pele (Drug Delivery). O procedimento consiste na aplicação de um roller com inúmeras microagulhas (média de 190 agulhas muito finas e estéreis, de vários comprimentos) na pele, gerando várias microlesões que desencadearão a liberação de mediadores químicos capazes de estimular a produção de colágeno e elastina para restaurar a pele danificada. Desta forma, observa-se uma melhora das rugas e da flacidez facial, melhora da textura e luminosidade da pele, resultando em uma pele mais firme e com mais viço.

No inverno é muito importante HIDRATAR a pele!

No inverno a umidade do ar fica menor e as temperaturas mais baixas levam à diminuição na transpiração corporal. Tais fatores fazem com que a pele fique mais seca. Além disso, nesta época, é comum tomar banhos quentes, que causam uma remoção da oleosidade natural de forma mais intensa, diminuindo o manto lipídico que retém a umidade da pele. Tanto a pele do rosto quanto a do corpo está sujeita ao ressecamento no inverno. O clima frio e seco pode deixá-la com aspecto esbranquiçado, craquelado, descamativa e, as vezes, pode haver coceira associada. Para evitar tais sintomas é importante fazer hidratações com ativos adequados para a melhora deste quadro. O hidratante pode ser aplicado sempre que necessário na pele, mas após o banho é o melhor momento, onde será melhor  absorvido. Dentre os ativos com maiores capacidades de hidratar, temos a uréia, óleo de semente de uva, óleo de amêndoas doce, PCA-Na, Lactato de amônio, dentre outros! O seu Dermatologista avaliará o produto/formulação mais indicado para você! Consulte sempre o seu Dermatologista para o correto diagnóstico e tratamento.

Criolipólise – Saiba mais sobre este procedimento!

Desenvolvida por estudiosos de Harvard, a Criolipólise é um dos métodos não invasivos com maior eficácia na perda de Gordura Localizada.
O aparelho submete a área tratada a uma temperatura negativa (de -5° a -10°), por um período de uma hora, tempo necessário para destruir os adipócitos que se rompem e são eliminados naturalmente pelo organismo via sistema linfático. O processo de eliminação dos adipócitos pode durar até 90 dias após a aplicação local do aparelho.
A sessão de Criolipólise é realizada por aparelhos registrados pela Anvisa, e conta também com uma manta de proteção para a pele, igualmente registrada pela Anvisa.
A área do corpo a ser tratada é submetida a um vácuo, que mantém a prega cutânea acoplada ao aparelho, e ao mesmo tempo o resfriamento local destrói as células de gordura. O resfriamento só atua na gordura local, não atingindo músculo ou outras estruturas próximas. Leia mais

Tipos de Pele – Mista, Seca, Oleosa ou Normal?


Normal – a pele normal é a menos frequente; sua textura é aveludada, tem um aspecto rosado, com poros pequenos e não muito visíveis, além de possuir boa elasticidade. É pouco propensa ao desenvolvimento de espinhas e oleosidade.
Seca –  a pele seca pode ser causada por fatores genéticos e hormonais, mas condições climáticas (tempo frio ou seco, vento) também devem ser levados em consideração. Há uma perda de água em excesso, deixando-a com pouca luminosidade, poros pouco visíveis e com maior tendência ao surgimento de pequenas rugas e fissuras. Ela fica mais propensa a vermelhidão e descamação. Leia mais

Chocolate e os seus benefícios para a pele

O chocolate não é só vilão! Ele também possui benefícios para a saúde e quando falamos em pele não poderia ser diferente! Um dos ingredientes do chocolate é o grão de cacau que é rico de flavonoides. Os flavonoides são substâncias antioxidantes que atuam no combate dos radicais livres. Os radicais livres são responsáveis pelo envelhecimento precoce e contribuem para incidência de outras doenças. Mas fique atento, pois para ter um melhor efeito, devemos priorizar o chocolate amargo, o mais escuro e com menor teor de açúcar em virtude da sua maior quantidade de cacau na composição. E não exagere na quantidade, pois o recomendado seria um tablete pequeno (equivalente a 25g) por dia do chocolate amargo! Além disso, o chocolate também pode ser usando de forma tópica como em cremes/shampoo para os cabelos como bons hidratantes e como máscaras faciais pela sua ação antioxidante.